Publicado em Comportamento, Desabafos

Reflexo de relacionamentos anteriores

large

A pior experiencia que eu tive em meus dois relacionamentos anteriores foi a traição, traição que ocasionou o rompimento dos dois, traição que causará o rompimento do próximo.

Quando entrei em meu atual relacionamento, eu entrei por confiar 100% em meu namorado, mas com o passar do tempo qualquer atitude suspeita se torna o suficiente pra eu poder cismar. O pior de tudo é o fato do medo enorme que eu tenho é de estar errada sobre tudo.

Eu fui a pessoa mais errada do mundo em dar todo o amor que eu sempre quis dar a qualquer pessoa ao meu atual namorado, pois isso me tornou completamente dependente dele, a ponto de não conseguir ir pra lugar nenhum sem ele. Eu infelizmente fiz o meu mundo girar em torno dele, a ponto de não gostar mais de sair sozinha, qualquer lugar que eu vá, eu quero que ele esteja comigo. Isso vem me fazendo muito mal.

Nos meus relacionamentos anteriores eu não tinha tanta vontade de estar próxima de meus ex-s namorados, do contrário, eu tinha vontade de ficar longe deles, inclusive do meu ex namorado. Mas com meu atual namorado é diferente, eu sinto uma falta dele enorme e talvez isso se ocorra porque ele consegue ser mais ausente na minha vida do que eu na dele.

O pior é que as ausências dele me causam desconfianças desnecessárias, isso tudo por causa de meus relacionamentos anteriores.  Eu não consigo confiar 100% em meu namorado quando ele sai com os amigos, leva horas pra me responder ou ele simplesmente está em casa, eu sempre fico: será que ele está em casa mesmo? Essa é a pior sensação do mundo. Eu não diria que seria ciumes porque ele não me dá motivos pra isso, seria desconfiança mesmo. Uma pessoa que foi traida cruelmente duas vezes, é normal ficar assim, ou não.

O que me dói é que essas péssimas experiencias vem me tirando o sono e me enchendo de lágrimas. Não consigo ficar um dia sem pensar na possibilidade de que ele possa me trair, mesmo tendo provas concretas de que ele jamais faria isso. O problema em si não é ele, e sim eu. Minhas experiencias me trouxeram um trauma que eu terei que carregar sempre ou me tratar, pois se eu não der certo com ele, com o próximo eu terei a mesma desconfiança. Não quero fazer a namorada louca controladora, isso pra mim não é legal.

Espero que um dia ele me perdoe, por ficar passando o dia todo pensando na possibilidade de que ele me trai ou não está em casa, mas infelizmente eu sempre irei desconfiar disto. Nunca vou me esquecer no reveilon quando eu dormi no colo dele e acordei por medo de em quanto eu dormia ele simplesmente beijar alguém. Sim, eu estou paranoica e isso é culpa dos meus relacionamentos anteriores.

Anúncios
Publicado em Comportamento, Crônicas, Desabafos

Tudo, absolutamente tudo vai passar um dia

large

De uns tempos pra cá venho aumentando de uma maneira aterrorizante a quantidade de pessoas do meu ciclo de amizade que vem sofrendo por algo. O problema está que essas pessoas são todas pessimistas assim como eu fui há um tempinho atrás, mas o que está faltando nelas e em todas as pessoas que sofrem por alguma coisa, chama-se fé.

Nada, absolutamente nada é eterno. Ninguém irá sofrer para sempre, nem ficar desempregado para sempre. Você um dia vai conseguir concluir os seus estudos, os seus irão se realizar sim. Mas vocês tem que entender que não é no seu tempo.

Sofrer é muito ruim, muito ruim mesmo e eu sei bem o que é isso. É triste ficar chorando, ver seus planos ir embora e não poder fazer nada. É complicado querer muito ter uma coisa e não poder, muitas vezes por não ter condições financeiras de arcar. É frustrante ir em uma entrevista de emprego e não receber nenhuma satisfação ou na verdade nem ser chamada para uma sendo que você colocou o currículo em umas muitas. Mais triste ainda é saber que nossos pais estão sofrendo por algo e você não pode fazer nada.

A tristeza e angustia são coisas passageiras. Pode demorar, demorar até anos, mas não é eterno.

Um dia você sorrir. Acredito que assim como eu, vocês já tiveram épocas muito felizes na vida de vocês. Uma época em que preocupação não existia e estava tudo OK. Dias bons vem e vão assim como dias ruins. Toda luta tem a sua vitória. Você não está estudando a toa, as noites que vocês estão virando pra concluir trabalho/projeto ou o que seja será recompensada lá na frente, acreditem.

Chorem bastante, mas chorem muito.  É normal a gente chorar, se sentir fracassado e achar que nada vai dar certo. É chato demais ficar esperando o famoso tempo e a “nossa vez”, mas chega.

Em hipótese nenhuma desista dos seus sonhos ou deixem que as pessoas tirem o seus sonhos. Deus tem planos maravilhosos na vida de vocês e quando o seu dia chegar, você não vai acreditar, você vai achar que está sonhando, mas na verdade você não vai estar sonhando e sim vivendo o seu sonho.

Tudo vai passar, acredite nisso e medite isso todos os dias. Tudo vai passar e vai dar certo.

Um milhão de beijos!

 

Publicado em Comportamento, Desabafos

A obrigação de sempre estar linda

large (10)

Se tem uma coisa que eu odeio é ser obrigada a fazer qualquer tipo de coisa que eu não esteja afim. Como diz a minha mãe, sou a rebeldia em pessoa, mas eu sou mesmo. Eu odeio me sentir na obrigação de fazer algo, inclusive se for pra agradar alguém, inclusive as vistas de alguém.

Comecei a utilizar meu cabelo estilo joãozinho em 2015 e desde então não parei mais, por razões de: Eu me acho incrível assim e fora a praticidade. Mas desde que eu utilizei meu cabelo assim, eu comecei a ser obrigada a estar sempre linda e parecendo uma mulher???????????

Até porque na concepção das pessoas, pelo simples fato de meu cabelo ser curto, eu automaticamente pareço um menininho……………………

O que me levou a fazer este post foi a indignação que eu tive com uma tia minha, em plenas 8h da manhã de um domingo veio reclamar do meu cabelo que ele estava FEIO. Que tipo de pessoa 8h da manhã de um domingo, pós-piscina no dia anterior, iria estar com o cabelo impecável? Só se a pessoa tiver um cabelo bem liso, contrário do meu que é bem crespo. Mas está não é a primeira vez que ela questiona minha beleza ou meu cabelo, ela sempre questiona isso. E eu imagino que muitos de vocês devem ter um parente inconveniente assim e isso me fez fazer um desabafo até pra ajudar vocês.

Primeiramente, vocês não tem obrigação de estar arrumada todos os dias, porque linda vocês já são. 

Se afaste de parentes assim, evite contato, é sempre bom… Principalmente se você for pavio curto. Porque quando um parente seu abre a boca pra falar que você tá desarrumado ou seu cabelo tá feio, você tá gorda e etc… Ninguém FALA NADA PRA REPREENDER A PESSOA, mas no dia que você se invocar e disser umas coisas, todo mundo vai se rebelar pra REPREENDER VOCÊ. Sendo que você simplesmente já atingiu o seu limite de paciência com aquela pessoa.

Nunca se esqueçam que somos todos maravilhosos, lindas e cheia de alegria por dentro. Independente das cobranças estéticas que nossos familiares e a sociedade se achem no direito de nos impor, não abaixem a cabeça. Se quer sair arrumada saia, se não quer se arrumar, saia também. Você não nasceu pra agradar parentes, amigos e etc… Você simplesmente nasceu pra ser feliz.

Não caiam nesses comentários estúpidos de familiares que só fazem deixar a gente pra baixo. Confiem em si, acima de tudo. Mostre a diferença que você é naquela meio, se eles não te aceitam como você é, azar deles.

Publicado em Comportamento

O que eu já fiz na minha vida?

large.png

Eu não estou com crise da idade, eu apenas estou refletindo… Não sei, ando vários confusa, pois na semana que vem eu irei completar 22 anos e eu resolvi fazer uma lista de 22 coisas legais que eu já fiz durante todo esse tempo. É só pra deixar registrado e eu não me sentir tão mala assim….

1- Aprendi a fazer pizza

2- Pintei o cabelo de várias cores

3- Dormi fora de casa

4- Transei sem camisinha

5- Entrei na faculdade

6- Viajei pra lugares exóticos

7- Namorei 3 vezes

8- Criei um blog

9- Consegui assisti todos os filmes em cartaz do cinema

10- Virei vegana

11- Conheci um “ídolo”

12- Venci um concurso cosplay

13- Aprendi a tocar teclado e flauta transversal

14- Fiquei muito bêbada

15- Realizei sonhos de consumo

16- Me apaixonei

17- Transei

18- Beijei mulheres

19- Deixei o cabelo joãozinho

20- Fumei maconha

21- Atuei

22- Fui a um show do Nando Reis

Eu me empolguei e percebi que eu fiz muito mais coisas do que eu imaginei, mas listei apenas 22 coisas mesmo. Ano que vem eu listo 23… Se eu ainda estiver viva \o/

22 beijos !!

ps: Meu aniversário ainda é dia 28/02 \o/

 

Publicado em Comportamento, Música

Playlist de músicas Românticas <3

large-8

Este post na verdade era um rascunho pro dia dos namorados, eu achei legal e resolvi publicá-lo e obvio adicionando mais músicas legais e recente, porque será né…

Então, sabe quando tu tá lá com seu namorado e quer ouvir uma música pra criar aquele clima de romance, ou simplesmente não sabe que música mandar pro paquera/namorado/crush… Então, eu vou listar aqui pra vocês 10 músicas sensacionais românticas.

Seja para mim – Maneva

Eu conheci maneva no final de 2015 pra 2016 e eu simplesmente fiquei apaixonada pela banda em si. Rolou um show bem bacana deles aqui na cidade no ano passado e tipo é surreal. Recomendo muito, eles tem cada música sensacional. 

Sala de jantar – Scracho

Aquela banda legal que eu até hoje não entendo o porque acabou… Scracho marcou minha adolescência e tem cada música romântica absurdamente linda ><

Sem medo de amar – Onze:20

Já dediquei essa música pra um crush meu. Inclusive.

Relicário – Nando Reis

Nando Reis é maravilhoso e tem um jeito surreal de ser e fazer músicas lindas. Eu só realmente acreditei que ele era real quando eu fui em um show dele. Eu poderia fazer essa playlist de músicas românticas só com músicas dele. 

Vem andar comigo – Jota Quest

Jota Quest é sensacional, outro exemplo de que dava pra fazer esta playlist com um artista só. O show deles é maravilhoso, recomendo super. 

Dois Rios – Skank

Vocês devem ter percebido o quanto eu amo Skank né? Então, não poderia faltar. Skank tem músicas maravilhosas e algumas canções me fazem chorar. 

You belong with me – Taylor Swift

Maravilhosa, saudades das musiquinhas românticas da Taylor ><

Be Alright – Justin Bieber

Essa música é sensacional. Justin é outro que poderia voltar com suas músicas românticas, falando de amor, ai que saudade do meu Juslindo ><

Everything – Michael Bublé

Ahhhhhhhhhhhhhhhh… Essa música ❤

De longe – Haikaiss

E por último Haikaiss, com essa música que me deixa toda derretida de tão linda que é. 

Eu tentei fazer um top 10, mas eu tenho vontade de fazer parte 2 dessas playlists que eu faço, pois é muita música pra pouco post. Espero que tenham gostado e se quiserem dicas de músicas é só falar comigo.

Se quiserem, podem me mandar mais músicas românticas nos comentários pra eu ouvir depois.

Mil beijos!!

Publicado em Comportamento, Dicas

Meu veganismo

large-9

Recentemente eu resolvi abrir mão de muitas coisas na minha vida e uma delas foi de parar de consumir alimentos de origem animal, tanto diretamente quando indiretamente. Já tem um tempo que eu estava pra tomar esta decisão e ontem eu me senti mais motivada ainda para finalmente tornar-me vegana.

Eu fui vegana durante um mês, isso ocorreu no ano retrasado, mas não deu certo, pois meu sistema imunológico ficou absurdamente fraco. Eu tive que abrir mão do meu sonho do veganismo para voltar a consumir produtos de origem animal. Mas eu continuei vegetariana, um hábito meu que já tem uns 3/4 anos.

Infelizmente eu não fui muito bem recepcionada ao mundo do veganismo pelos meus amigos, pois só duas pessoas apenas se mostraram a favor da minha decisão, mas acontece e o mais legal foi que tudo isso me fez refletir e muito. Não no quesito de escolher amizades, mas sim como as pessoas gostam de manipular e se intrometer em decisões um tanto quanto drásticas de outra pessoa.

Quando eu comecei a beber, meus amigos super me apoiaram, ficaram felizes, brindaram, foi uma festa que só. Ninguém ligou pro fato dos malefícios que a bebida poderia causar na minha saúde. Problemas no rim, coração e entre outros ocasionados devido ao grande consumo alcoólico e outras composições de bebidas alcoólicas. O fato de que se eu me embebedar o quanto aquilo pode prejudicar a minha saúde mental e nas merdas que eu deveria fazer. Ninguém se importou.

Quando eu nova experimentei a maconha pela primeira vez e meus amigos sempre me influenciaram a continuar fumando, os benefícios e malefícios da maconha, ninguém me alertava o quanto aquilo poderia prejudicar a minha saúde. Se bem que a maconha não é tão prejudicial quanto dizem. A maconha tem seus prós e contras, mas pode causar efeitos colaterais e graves no coração. Na verdade, a maconha tem que saber se usada, até porque tudo em excesso e utilizado de mal jeito não presta.

Quando eu não quis transar com o cara que eu amava sem camisinha, todos me disseram pra ir assim mesmo, que eu tomasse pilula no dia seguinte que estaria tudo OK. Ninguém me alertou do perigo das doenças sexualmente transmissíveis, mas graças a Deus eu não tenho absolutamente nenhuma.

Começar a beber e fumar maconha foram decisões extremas na minha vida, até mais do que não compactuar mais com o mercado podre de exploração dos animais.

Ninguém aparece pra julgar nas horas erradas e sim influenciar. Mas porque quando eu decidi parar de compactuar com a crueldade dos animais as pessoas começaram a me julgar? Dizer que minha decisão em aderir ao veganismo foi absolutamente extremista? Porque isso choca mais elas do que o fato de me ver chapada ou de estar bêbada, vomitando e falando merda.