Publicado em Comportamento, Crônicas

O corredor e eu

E lá estava eu, minutos antes de ir para o curso, visitando o bairro que não corresponde com a minha classe social, mas isto não me impedia de entrar nele. O bairro mais lindo e mais caro da minha cidade.

O corredor estava vazio, mas lá a segurança é ótima. Eu avistava carros de luxo, apartamentos de luxo e pessoas muito bem vestidas. Os funcionários dos prédios, pareciam super contentes com seus empregos e os patrões contentes com seus funcionários.

No corredor, tinha um colégio estadual, soube que para estudar ali era uma burocracia, oh Deus. Tinha de tudo no bairro, lojas de tortas, lanchonetes, mercados, concessionárias, mobiliárias  prédios de engenharia, tinha tudo.Se eu morasse lá, eu não precisaria andar tão longe, pois no bairro tinha tudo pertinho.

Aquela garota, de casaco roxo, calça jeans e franja na cara, parecia uma garota que não morava naquele bairro. Mas aquela garota, passeava por ali, sonhando e pensando no que iria fazer dali para frente. Ela andava sem rumo, sem direção, ela apenas queria ficar em paz consigo mesma e refletindo sobre a vida. As arvores pareciam tão fresquinhas, o corredor maravilhoso de andar, era tudo perfeito e mais perfeito ainda era que eu estava sozinha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s