Publicado em Desabafos

Como eu me sinto

Me sinto com vontade de chorar e dizer a todas as pessoas o que eu estou sentindo por dentro. Tenho vontade o tempo todo de escrever e fugir de casa.

A minha família é ótima até a página 2, mas ninguém entende o porque eu devo ficar sozinha. Queria saber realmente como eu me sinto ou como eu estou, mas a minha consciência pesa pela minha irresponsabilidade. Queria poder dizer que tive um dia fácil, legal e emocionante, mas não foi bem assim. Estou preocupada com a reação da minha mãe, pois ela só pensa besteira e acha que eu sou igual a ela na adolescência. Se ela soubesse quem realmente  a filha dela é, se assustaria. Espero que a minha conversa com ela seja boa e que eu não trave como nas outras vezes. Quero dizer a ela que eu não me sinto livre, me sinto presa e rotulada pela família o tempo inteiro. Quero que ela pelo menos me escute uma vez na vida e que eu não derrame lágrimas ou fique rindo. Eu só quero que ela saiba como eu me sinto e porque eu filo aula.

 Abandonei meus colegas de teatro na mão e menti para todos. Eu realmente estava disposta a me apresentar, mas eu cheguei tarde, pois fiz o que não devia. Pensei que ia ser rápido, mas não foi, me atrasei e perdi vários ônibus. Fiz meu professor ficar chateado e meus amigos com raiva, mas eu inventei outra mentira e pedi desculpas a todos. Eu queria saber o que está acontecendo comigo, mas a única pessoa que eu sei irá me entender é a minha mãe. Mas ela não sabe conversar, só sabe falar, falar, falar e nem vai querer me ouvir direito. Estou preparada para bronca sim, mas estarei pronta para me defender. Me sinto traumatizada, pela primeira vez por ir almoçar tão longe. O pior é que eu poderia ter evitado chegar tarde. Escrever ás vezes é a melhor forma que eu encontro para poder desabafar como estou sentindo.

O que eu sinto dentro de mim, eu ainda não descobri, mas posso dizer que eu estou bem, mas estou triste. Queria dizer que eu preciso de ajuda, mas a única pessoa que pode me ajudar sou eu mesma e mais ninguém. Queria um tempo pra mim, um tempo pra descobrir quem eu realmente sou, mas não consigo, pois vivo cercada de pessoas “exigindo” de mim o tempo inteiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s